Francisco Beltrão

O homem que foi vítima de atropelamento na noite de quarta-feira (06) na PR-180 próximo a trincheira Noroeste, segundo informações morava embaixo da ponte do Rio Santa Rosa, bairro Sadia, em Francisco Beltrão.

Ele tem família no interior do município, porém há alguns anos teria se desligado e morava neste local.

Ele vinha sendo acompanhado por alguns voluntários que lhe encaminhavam comidas e roupas, através do projeto social desenvolvido pela Rádio Educadora. O Policial Penal Altair Ferraz, que o conhecia antes mesmo de ele entrar nesta situação, o visitava com frequência, sempre acompanhando e encaminhando o que ele precisa, como alimentos e medicamentos.