Francisco Beltrão
Foto Assessoria PMFB

Assessoria – A Prefeitura de Francisco Beltrão promoveu capacitação para profissionais que atuam na Secretaria de Assistência Social do município. Estes servidores integram as equipes dos CRAS, CREAS, Serviço Família Acolhedora, Conselho Tutelar, Serviço de Escuta Especializada e dos Centros de Convivência que atendem crianças, adolescentes e idosos.

De acordo com Nádia Bonatto, secretária de Assistência Social “a formação continuada dos trabalhadores do Sistema Único de Assistência Social – SUAS tem oportunizado momentos importantes de reflexão e aprendizado, objetivando a qualificação e humanização do atendimento dos usuários da Política de Assistência Social”.

Esta formação foi direcionada aos serviços do Nível de Proteção Social Básica (Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família – PAIF e Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – SCFV). A ministrante, psicóloga Lucimaira Cabreira, já esteve em outros momentos no município. Ela atua na Assistência Social de Cascavel há muitos anos e tem compartilhado seus conhecimentos e experiências positivas, contribuindo de maneira significativa para o aperfeiçoamento dos serviços.

“A capacitação foi muito produtiva e vai agregar significativamente com o nosso trabalho, contribuindo para que possamos fazer cada vez mais a diferença na vida do público atendido, visando garantir o acesso e usufruto de direitos sociais, além de ofertar espaços de acolhimento humanizado que oportunizem uma aprendizagem mediada pela convivência e por experiências que previnam o agravamento das vulnerabilidades e a superação das mesmas”, enfatiza Flávia Bedin, coordenadora da Secretaria de Assistência Social. 

O PAIF é ofertado nos CRAS e prevê uma série de ações articuladas com a família visando estimular as potencialidades Tem caráter preventivo, buscando fortalecer os vínculos familiares e comunitários e desenvolvendo um processo de emancipação dos indivíduos e das famílias envolvidas.

Em contrapartida, o SCFV ofertado nos Centros de Convivência busca complementar o PAIF, trabalhando através de grupos etários oportunizando espaços de convivência e reflexões de acordo com cada faixa etária, contribuindo para o processo de aprendizagem socioeducativa, desenvolvendo o sentimento de identidade e pertença, propiciando vivências e experiências que buscam a prevenção da ocorrência de situações de risco pessoal ou social.

Os participantes da formação foram recepcionados com a atração musical de Julia Leão e João Victor Molski, que são instrutores da Assistência Social. A palestrante foi contemplada com o livro do CREAS, “Deixe Minha Voz Ser Ouvida”, escrito por usuários que cumprem medidas socioeducativas.