Geral, Policial
Foto PP News

Nesta quinta-feira (14) aconteceu no Tribunal do Júri da comarca de Francisco Beltrão o julgamento de Daniel da Silva, 29 anos, vulgo “Mazarope”, acusado de ter cometido crime de homicídio contra Valdenir Aparecido Gonçalves.

O crime ocorreu na madrugada de 21 de dezembro de 2017 em um ponto de ônibus na comunidade de Santa Barbara em Francisco Beltrão, onde a vítima foi morta com golpes de pedradas na cabeça enquanto estava dormindo.

A Polícia Civil investigou e prendeu Daniel que confessou o crime não justificando os motivos.

O julgamento começou as 09h e terminou às 15h50 e ao final a sentença foi condenatória de 21 anos de reclusão. Ele já estava preso e foi reconduzido para a Penitenciária Estadual para o cumprimento da pena.

O julgamento foi presidido pela Juíza de Direito Drª Janaína Monique Zanellato Albino, tendo no Ministério Público a Drª Silvia  Skaetta Nunes Donatti e na defesa a advogada Drª Ione Iurko.