Violência
Foto Arquivo pessoal

A professora Keli Adriane Aniecevski, 30 anos, é uma das vítimas do ataque à escola infantil Pró-Infância Aquarela, em Saudades, no Oeste de Santa Catarina. O crime aconteceu na manhã desta terça-feira (4) e além da educadora outras três crianças e uma adulta tiveram a morte confirmada.

A informação da morte foi confirmada por familiares de Keli e pela secretária de Educação de Saudade, Gisela Herman.

Um homem de 18 anos entrou na creche armado com uma faca. Segundo o delegado Jerônimo Marçal, o agressor teria atacado a professora Keli na entrada na escola. Ela então correu para a sala onde estavam quatro crianças, todas menores de dois anos.

Além deles, o suspeito atacou uma agente de saúde que fazia um trabalho no local no momento do crime. A morte dessa profissional também foi confirmada pela Polícia Militar de Chapecó.

Com informações NSC Total via Chapecó.org