Geral
Foto Divulgação/Assessoria

Da Assessoria – Na quinta-feira, 26, foi feita a certificação de mais uma agroindústria de Francisco Beltrão ao selo Susaf-PR, dessa vez a Indústria de Extração e Beneficiamento de Produtos de Abelha, responsável pelo envasamento do Mel Sudoeste, Mel Apiários Tosetto e Adimel. O Sistema Unificado Estadual de Sanidade Agroindustrial Familiar, Artesanal e de Pequeno Porte permite que as empresas vendam seus produtos em todo o território do Paraná. Presença dos produtores Nilton Laabs, Valdecir Tosetto e Ademir Perez, do deputado estadual Reichembach, da chefe do escritório regional da Secretaria de Agricultura (SEAB), Denise Chiapetti Adamchuk, do secretário municipal de Agricultura, Claudiomar Decarli, e demais lideranças.

O deputado Reichembach ressaltou a importância do selo para as pequenas agroindústrias familiares. “Os produtos coloniais têm sido cada vez mais visados pelo mercado pois são de muita qualidade, e por isso, possibilitar que nossas agroindústrias aumentem suas vendas gera benefício para todos”, afirma. Reichembach é líder do Bloco Agropecuário na Assembleia Legislativa do Paraná e teve participação direta na articulação para regulamentar o Susaf no estado. 

A chefe do escritório regional da SEAB, Denise Chiapetti Adamchuk, destaca os desafios para que outros municípios possam aderir à certificação. “O Serviço de Inspeção Municipal (SIM) das cidades precisa estar muito bem organizado, bem como o controle de qualidade e questões de saúde alimentar”, ressalta. Para Denise, o Susaf transformou o Sudoeste, que possui mais de 230 agroindústrias familiares em sua regional. 

O Susaf-PR foi criado por lei em 2013, mas regulamentado somente neste ano durante a Expobel em Francisco Beltrão, após um conjunto de esforços, em particular do secretário de Agricultura, Norberto Ortigara. Francisco Beltrão foi o primeiro município do Paraná a aderir ao Susaf, programa destinado em especial à agroindústria familiar e às de pequeno porte. A exigência é que esteja registrada no SIM.