Policial
Foto Arquivo

Na noite de terça-feira (26) por volta de 20h50 o agente de cadeia de plantão do Setor de Carceragem Temporário da 5ª SDP de Pato Branco, percebeu que havia uma agitação fora do normal no interior da cadeia e acionou o administrador do Secat que ao chegar encontrou o preso  pendurado pelo pescoço dentro do X-1 da galeria A.

Imediatamente foi acionado o delegado chefe Getúlio de Morais Vargas, a equipe de sobreaviso, a ROTAM da Polícia Militar e a Criminalística para fazer a perícia.

Após liberado, o corpo foi encaminhado ao IML de Pato Branco. Segundo o agente que estava de plantão o X-1 da galeria A permanece 24h por dia aberto com acesso aos corredores devido a superlotação da cadeia pública que tem capacidade para 60 presos e está com 213 detentos.

O delegado Getúlio determinou investigação para apurar a causa da morte, se teve indícios de crime.