Notícias
Imagem PMPR

Um policial militar salvou a vida de uma menina de nove meses que estava engasgada usando a manobra de Heimlich na noite de domingo (06) na cidade de São José dos Pinhais. A bebê teria pegado um giz de cera enquanto a irmã mais velha realizava as tarefas escolares.

Em poucos minutos o militar conseguiu desobstruir as vias aéreas da garota, logo após a sua mãe chegar ao corpo da guarda do 17º Batalhão de Polícia Militar (17º BPM), pertencente ao 6º Comando Regional da PM (6º CRPM).

Segundo o soldado Rogério Silva, que prestou o atendimento durante um plantão, no momento que a mãe entregou a criança em seus braços, pôde perceber imediatamente o estado crítico da criança. Já desfalecida, a garota só desengasgou graças ao procedimento calmo e ágil do policial. Ele aplicou a manobra de Heimlich e ela voltou a respirar normalmente após o procedimento.

“O primeiro sinal de que tudo estava voltando ao normal foi o chorinho que ela deu”, conta o soldado. A garota recuperou os sentidos e, após o susto, a mãe da criança foi orientada a levá-la até uma unidade de saúde, por precaução.

O soldado conta que aprendeu a manobra durante um curso de primeiros socorros, ministrado em 2011 pelo Corpo de Bombeiros. “Aprendi a técnica ao fazer um curso no 6º Grupamento, e acredito que, é um dos cursos que mais tem valor”, diz. “Graças ao conhecimento adquirido com curso, já tive outras situações em que consegui ajudar alguém”, acrescenta o policial. 

Perguntado sobre a sensação de ter salvado uma vida, o soldado confessa que não há sentimento melhor, especialmente nesta última ocasião, pela familiaridade com a vítima. “Tenho uma filha e uma sobrinha com idades parecidas com a da criança, e me sinto muito feliz em poder ajudá-la”, conclui.

Fonte PMPR

Soldado Rogério Silva – Foto PMPR