Realeza
Foto Polícia Militar

Uma equipe da Polícia Militar de Realeza, estava em patrulhamento na tarde desta quinta-feira (07), na zona rural do município e abordou um homem que estava cortando árvores em uma propriedade rural próximo a um curso hídrico.

O homem informou que havia sido contratado para efetuar o corte de alguns eucaliptos para lenha, porém foi constatado no local que houve a movimentação de solo “aterramento” em uma das margens de um córrego.

O empreiteiro repassou aos policiais o contato do proprietário. Ele não soube informar sobre licença ambiental para tal procedimento.

Diante dos fatos o prestador de serviço que estava efetuando o corte das árvores e o proprietário foram informados para que suspendessem os procedimentos até o esclarecimento da situação.

Os policiais registraram imagens do local e apreenderam a motosserra que estava sendo utilizada no corte das árvores.

Os envolvidos foram encaminhados para os procedimentos da Polícia Judiciária e o Boletim de Ocorrência encaminhado a Polícia Ambiental que deverá dar continuidade a ocorrência, que possivelmente será caracterizada como crime ambiental.