Policial
Foto Arquivo

Na manhã de quarta-feira (06) a Polícia Militar de Pato Branco foi chamada em uma agência bancária onde os funcionários informaram que um homem estava tentando fazer o saque do PIS, porém eles desconfiaram da autenticidade de seu documento de identidade.

Os policiais abordaram o suspeito de 52 anos, que assumiu que o documento que utilizava era falso. Ao descobrir sua verdadeira identidade foi constatado que ele é oriundo de Brasília (DF) onde reside e tinha contra ele um mandado de prisão em aberto por falsificação de documentos e uso de documentos falsos.

Ele foi preso e encaminhado para a delegacia da Polícia Federal em Guarapuava, onde permaneceu a disposição da justiça.