Regional
Foto: Polícia Federal

Na tarde de sexta-feira (25) durante patrulhamento em conjunto na fronteira Brasil/Argentina no Rio Santo Antônio, interior de Capanema, policiais federais de Foz do Iguaçu e fiscais do ICMBIO (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversividade) apreenderam 5,5 metros cúbicos de madeiras nativas.

A madeira de retirada proibida por lei foi apreendida e colocada em depósito em uma propriedade rural onde ficou a disposição do IAP (Instituto Ambiental do Paraná) encarregado por lei da tomada das medidas legais pertinentes ao caso. Ninguém foi preso.