Geral

Polícia Civil bate recorde na formalização de procedimentos investigatórios

Foto Polícia Civil

A Polícia Civil de Francisco Beltrão divulgou nesta quinta-feira (10), o balanço das atividades desenvolvidas pela instituição no decorrer do ano de 2018 no município.

Ao todo foram instaurados 3.614 procedimentos investigatórios pela 19ª SDP e pela Delegacia da Mulher, dos quais 2.081 Inquéritos Policiais, 790 Termos Circunstanciados de Infração Penal, 195 Boletins de Ocorrência circunstanciado contra adolescentes e 548 Medidas Protetivas.

Desse total, a Polícia Civil já encaminhou 2.964 procedimentos para análise da Justiça. Foram também cumpridas outras 360 cartas precatórias.

Em relação aos homicídios, que é o principal índice verificador de incidência criminal medido pela ONU, em 2018 foram registrados 7 ocorrências, redução de 30% em relação a 2017, quando ocorreram 10. Esse é o menor índice dos últimos 10 anos.

Um dado que chamou a atenção dos policiais foi à quantidade elevada de pessoas conduzidas por todas as forças de segurança a sede da 19ª SDP. Durante o ano de 2018 foram apresentadas 1.679 pessoas na delegacia para as deliberações dos delegados de polícia, as mais comuns em cumprimento a mandados de prisão e por captura em flagrante delito.

Além do que, nos crimes de maior gravidade e naqueles que envolvam crianças, adolescentes, idosos e vítimas de violência doméstica, a Polícia Civil dedica prioridade absoluta nas investigações e na conclusão dos procedimentos investigatórios.

O Delegado Chefe da 19ª SDP Valderes Luiz Scalco comemorou os resultados, enaltecendo todo o esforço e a dedicação do trabalho de seus policiais civis. “superando limites, a Polícia Civil tem se mostrado um dos mais sólidos pilares da Justiça, registro pois todo o meu orgulho e agradecimento por poder prestar minhas funções amparado pela inestimável ajuda dos brilhantes profissionais que compõe os quadros da 19ª SDP e da Delegacia da Mulher de Francisco Beltrão”, comenta.

A Delegada Emanuelle Carolina Baggio também enalteceu a importância da Unidade Especializada no Município e o comprometimento dos servidores: “a criação da Delegacia da Mulher de Francisco Beltrão foi de fato um avanço extraordinário na segurança pública do Município, temos nos dedicado buscando sempre a prestação de um serviço de excelência, certa de que auxiliando positivamente na prevenção e na repressão de casos envolvendo violência doméstica e familiar”.

 

Compartilhe: