Pandemia
Foto Assessoria PMFB

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus advertiu que o mundo está enfrentando uma nova onda de infecções e mortes pela covid-19. Tedros deu a declaração aos integrantes do Comitê Olímpico Internacional em Tóquio na quarta-feira (21).

Conforme declaração do diretor da OMS, a principal justificativa para essa notícia está atrelada ao fato de uma falha global em compartilhar vacinas, testes e tratamentos para a Covid-19. O mundo vive um paradoxo, com uma “pandemia em duas vias”, disse Ghebreyesus.

Segundo pontuou Ghebreyesus, existe uma balança no mundo, onde evidenciamos de um lado os países com recursos se abrindo e os países mais pobres se fechando ainda mais, por não conseguirem controlar os avanços do novo coronavírus, classificando a situação como uma “injustiça terrível”.

“Dezenove meses após o início da pandemia e sete meses desde que as primeiras vacinas foram aprovadas, estamos agora nos estágios iniciais de outra onda de infecções e mortes”, alertou Ghebreyesus.

Por fim segundo Ghebreyesusl, a pandemia trará mais turbulência socioeconômica enquanto se arrastar. “A pandemia é um teste e o mundo está falhando”, avaliou, complementando que a ameaça da doença seguirá até que a Covid-19 possa ser controlada por todos os países. 

Jornal Contábil