Francisco Beltrão
Foto PP News

O grande número de acidentes envolvendo veículos que caíram no Rio Lonqueador, nos últimos tempos levou um levantamento a respeito dos fatos.

O repórter Gil Veigas da Rádio Educadora fez uma busca só em matérias publicadas pelo PP News e apurou que de 2018 até o dia 15 de setembro de 2021 foram onze ocorrências envolvendo veículos que caíram no rio.

Somente neste ano de 2021 foram três acidentes com veículos e um pedestre. Gil Veigas ouviu o especialista no assunto, Vinicius Perin, presidente da Associação de Engenheiros e Arquitetos do Sudoeste do Paraná.

O profissional deu algumas dicas do que pode ser feito no rio para amenizar o problema e evitar acidentes.

Segundo ele, ao longo do canal, podem ser colocados guardrails (grades de proteção metálicas) que protegem em caso de impacto e impedem que o veículo caia no rio. Outra solução são as muretas de contenção como já existem em vários pontos e até mesmo a canalização de alguns locais mais críticos.

Vinicius citou ainda que todas as medidas tomadas podem amenizar os problemas, porém a mais eficiente delas é o cuidado e atenção de condutores de veículos e até mesmo de pedestres, que devem zelar pela própria segurança.

Os dados foram pesquisados baseados em arquivos do PP News. Em contato com a agente de trânsito do Debetran, Carla Rotta, membro da Comissão Intersetorial de Prevenção de Acidentes e Prevenção no Trânsito, não foi possível apurar os números específicos de acidentes no rio, pois a tabulação é feita de acordo com endereço de ruas e não cita o rio. O número citado na matéria pode ser ainda maior.