Real Móveis

Cerca de três toneladas de maconha foram apreendidas nos últimos dias pela Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc) com o apoio das polícias Rodoviária Estadual e Militar em diferentes regiões no Interior do Paraná além do estado de São Paulo (SP).

Durante a primeira ação conjunta, entre Denarc e policiais rodoviários de São Paulo, na última segunda-feira dia (13), a equipe apreendeu cerca de 1,5 mil toneladas de maconha e uma carreta Bitrem vermelha. Um homem, de 41 anos, foi preso em flagrante.

De acordo com a polícia, a equipe operacional chegou ao suspeito através de uma denúncia anônima. O homem foi encontrado em um posto de combustíveis, que fica as margens da rodovia SP-258, na divisa das cidades de Sengés (PR) e Itararé (SP). 

O delegado responsável pela ação, Ivonei Oscar da Silva, falou que o motorista reagiu de forma suspeita a abordagem. “Ele demonstrou bastante nervosismo no momento da abordagem e assim que verificamos a carroceria do caminhão encontramos as drogas no meio de sacos de milho”, diz Silva.

Em depoimento a polícia, o homem disse que as drogas seriam levadas para a cidade de Itapetininga (SP). O suspeito foi encaminhado a delegacia de Itararé, onde foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas e segue preso à disposição da Justiça. A droga foi avaliada em R$ 1,5 milhão.

COMBOIO - Durante uma ação distinta, os policiais civis da Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc), com o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF), apreenderam cerca de 300 quilos de maconha, além de três veículos que seriam utilizados para o tráfico de drogas e contrabando. A ação aconteceu no desvio da BR 277, nos fundos do posto de fiscalização de Santa Terezinha de Itaipu, na quarta-feira (15). 

Após uma denúncia anônima relatando que um comboio de carros desviaria o posto de fiscalização da PRF, os policiais montaram uma barreira com o objetivo de abordar os suspeitos. 

De acordo com a polícia, assim que os suspeitos avistaram a barreira, eles jogaram os carros em meio a um matagal e fugiram a pé. “A equipe realizou buscas na região, porém não conseguiu localizar o trio. As investigações continuam a fim de identificá-los”, falou o delegado.

No veículo Fox, na cor prata, a polícia apreendeu 300 quilos de maconha – avaliada em R$ 300 mil. Já nos veículos Honda/Civic branco e no Hyndai/Santa Fé prata, a equipe apreendeu mais de 90 caixas de cigarros oriundos do Paraguai, ou seja, mais de 5 mil e 400 maços de cigarros, avaliados em R$ 72 mil. 

Todos os produtos e os carros apreendidos durante a ação policial foram encaminhados para a Polícia Federal de Foz do Iguaçu. 
AÇÃO DISTINTA – Na manhã de terça-feira (14), também por denúncia anônima, os policiais da Denarc em conjunto com a Polícia Militar (BPFRON), apreenderam aproximadamente mil quilos de maconha no meio de um matagal, mas imediações da BR 277, na região de Cerro Azul. 

A droga foi avaliada em R$ 1 milhão e encaminhada para a sede da Denarc de Foz de Iguaçu. As investigações continuam com o objetivo de identificar os responsáveis pelo droga. “As informações que obtivemos até o momento é que os criminosos deixaram toda a droga escondida no matagal, pois o carro que eles usavam havia estragado”, completou o delegado.



Assessoria
16/11/2017



Foto: Polícia Civil