Francisco Beltrão
Foto Assessoria

Da Assessoria – As frequentes quedas de energia elétrica na região Sudoeste foram o principal assunto da audiência pública realizada nesta sexta-feira, dia 11 de março, na sede da Amsop, em Francisco Beltrão. O evento teve a presença do diretor presidente da Copel, Daniel Pimentel Slaviero e do diretor de gestão da Copel Distribuição, Hemerson Pedroso. Além das oscilações no fornecimento e as quedas constantes, o aumento expressivo na conta de luz também foi questionado durante a audiência.

O auditório estava lotado, com a participação do presidente da Amsop e prefeito de Francisco Beltrão, Cleber Fontana, do presidente da Acamsop, Cláudio Alain do Carmo, do presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, Ademar Traiano, o deputado estadual Reichembach, demais lideranças e também consumidores.

Reichembach, que é coordenador da Frente Parlamentar do Leite e líder do bloco agropecuário da Assembleia Legislativa do Paraná, tem recebido diversas reclamações de consumidores principalmente da área rural, que relatam prejuízos com as frequentes faltas de energia elétrica. “É um assunto que merece muita atenção! Sem luz, várias atividades como a do leite ficam prejudicadas, não só pela paralisação da ordenha, mas pela perda dos alimentos já estocados, como carne e outros perecíveis. É um problema que prejudica todo o setor produtivo e traz consequências graves”, alerta o deputado. 

Investimentos e modernização
Segundo Slaviero, o programa Paraná Trifásico é o maior da América Latina e deve atingir 1600km de rede num investimento de R$600milhões no Sudoeste, região que desde o ano passado vem passando por melhorias nas redes de transmissão. “Sou um defensor do programa Paraná Trifásico, que é um investimento expressivo e que traz modernidade às redes, mas nós precisamos de uma operação de guerra para restabelecer rapidamente a energia quando há desabastecimento causado pelos temporais”, afirmou Reichembach em seu pronunciamento. “Sabemos que temos problemas e precisamos avançar na solução destes problemas, nossa equipe técnica está empenhada para trazer mais qualidade no fornecimento de energia”, concluiu Pedroso.