Marmeleiro
Foto arquivo da família

O policial militar da reserva Jairo Carneiro, 52 anos, morador de Marmeleiro, onde trabalhou até se aposentar morreu após sofrer um infarto na noite de segunda-feira (30). Ele estava em casa quando passou mal.

Jairo deixa esposa, filhos e um neto. O corpo está sendo velado na Capela Jardim da Luz, em Francisco Beltrão. O sepultamento ocorre nesta terça-feira (01).

Nota do 21º BPM de Francisco Beltrão

É com pesar que o 21º Batalhão de Polícia Militar presta sua última continência à memória do Cabo Jairo Carneiro, que exerceu a nobre função de Policial Militar de 18/05/1988 a 11/07/2012.
Ontem, dia 30, após sofrer uma parada cardiorrespiratória, veio a falecer aos 52 anos. Deixou três filhos, esposa, um neto, mãe, cinco irmãos (um in memória), sobrinhos, afilhados e muitos amigos.
É lembrado pelos colegas do 21º BPM como uma pessoa extrovertida, muito dedicado aos filhos e família, que alegrava a todos por onde passava. Um amigo sempre disposto a ajudar o próximo. Dedicou 25 anos de sua vida à Polícia Militar. Mesmo depois de passar para a Reserva Remunerada, nunca deixou de se envolver com assuntos de segurança pública e sempre se orgulhava muito por ter sido policial militar”.