Esportes, Francisco Beltrão
Foto: Eduardo Hermes

Marechal e Marreco fizeram um jogo bastante movimentado na noite desta quinta-feira (15) no Ginásio Ney Braga, pela 11ª rodada da Série Ouro do Campeonato Paranaense. Depois de abrir 3 a 0 na primeira etapa, os donos da casa viram o Marreco crescer, marcar dois gols e quase chegar ao empate. No fim, vitória para o Marechal que reassume a liderança do campeonato, enquanto o Marreco cai para o terceiro lugar.

Longe do que se imagina, apesar de levar 3 a 0 no primeiro tempo, o Marreco não jogou tão mal, mas não soube aproveitar as chances de gol criadas, ao contrário do Marechal que marcou com Caio Barros, Barbosinha e Vilela, sendo que dois gols saíram de jogadas com bola parada e outro de contra ataque. Com duas bolas na trave, o Marreco sentiu que estava no caminho, mas precisava errar menos e passou a jogar com goleiro linha, mesmo a quatro minutos do fim do primeiro tempo.

Na volta para a segunda etapa, Paulinho Gambier insistiu no goleiro linha, e o Marechal parecia gostar da postura do adversário, já que não fazia muita questão de ficar com a bola. Em pelo menos duas oportunidades, Suélton roubou a bola e ficou com o gol livre para marcar, mas não aproveitou. O Marreco então descontou aos 7 jogados, com Rafinha em cobrança de tiro livre direto, depois que o Marechal estourou as faltas. Em bola trabalhada com goleiro linha, Guina deixou Dener em condições de marcar o segundo e o pivô não perdeu a chance, descontando para 3 a 2 aos 14 minutos. No minuto final, Rafinha ainda teve a chance do empate na cobrança de tiro livre direto, que foi defendida por Renan.

Muita vibração do Marechal que retoma a ponta da tabela, mas os jogadores da equipe beltronense saíram de cabeça erguida, pois o elenco que estava com apenas nove jogadores de linha, teve Éder expulso, mostrou muita superação e foi carregado pelas ótimas atuações de Pedro Rei, Richard e Guina. O próximo compromisso do Marreco será neste sábado (16), em casa, contra o Palmas, a partir das 20h30.