Francisco Beltrão

Lideranças discutem Aeroporto Regional do Sudoeste com o secretário Sandro Alex

Lideranças do Sudoeste debatem Aeroporto Regional na Secretaria de Infraestrutura e Logística – Foto Assessoria

Da assessoria – Na segunda-feira, 08, uma grande equipe de lideranças do Sudoeste esteve na Secretaria de Infraestrutura e Logística (Seil), em Curitiba, participando de uma reunião para tratar sobre o projeto do Aeroporto Regional. Técnicos da Secretaria de Aviação Civil (SAC), professores do Instituto Tecnológico de Aeronáutiva (ITA), prefeitos, vice-prefeitos e deputados estaduais foram recebidos pelo secretário Sandro Alex e sua equipe, e saíram otimistas do encontro.

O ITA foi contratado para desenvolver um estudo detalhado para a definição do possível sítio aeroportuário na região, baseado na análise inicial feita pela Universidade Estadual de Londrina (UEL) em 2007 a pedido da Amsop, executada à época pelo Professor Doutor André Silvestri.

Silvestri, que participou da reunião na Seil, afirmou que a agenda foi positiva. “Os professores do ITA se basearam no nosso estudo de 2007 e também na atualização que fizemos no projeto ano passado, ajustando alguns critérios técnicos, e definiram três locais mais apropriados para a instalação do sítio aeroportuário: Renascença, Vitorino e Itapejara D’Oeste”. Os professores Evandro José da Silva e Giovanna Borille, do ITA, estiveram na reunião mostrando os estudos atualizados, e devem visitar os locais apontados nos próximos 60 dias.

Para o deputado Reichembach, o Aeroporto Regional será um divisor de águas. “A ausência de um aeroporto na nossa região gera um gargalo no desenvolvimento do Sudoeste, sua implantação traria benefícios significativos em todos os setores da nossa economia, pois vai estimular a geração de empregos em diversos segmentos, além de permitir que a população tenha acesso a este tipo de transporte, que se tornou mais viável com o passar dos anos”, afirma Reichembach, que é uma das lideranças envolvidas com o projeto do Aeroporto do Sudoeste desde a sua elaboração.

O projeto de criação do Aeroporto Regional vem sendo discutido há anos. Em 2007, um estudo técnico encomendado Amsop indicou que um terreno na Linha Buriti, interior de Renascença, seria o sítio aeroportuário ideal para a construção. Desde então, a entidade uniu forças com prefeitos, deputados, sociedade civil e demais lideranças da região para dar continuidade ao projeto, que vem sendo discutido na esfera estadual a partir do contato com a Secretaria de Infraestrutura e Logística (Seil), e na esfera federal a partir do contato com a SAC.

Representando o Sudoeste na reunião estiveram presentes os deputados Reichembach, Luiz Fernando Guerra e Ricardo Arruda, os prefeitos Lessir Bortoli (Renascença), Raul Isotton (Dois Vizinhos), Nilson Feversani (Bom Sucesso do Sul) e Juarez Votri (Vitorino), o vice-prefeito de Francisco Beltrão e coordenador do projeto do Aeroporto Regional do Sudoeste pela Amsop, Antonio Pedron, e demais lideranças regionais.

Compartilhe: