Notícias
Foto AEN

Termina hoje (30) a segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo. O Ministério da Saúde (MS) marcou para hoje o Dia “D” da campanha, iniciada em 18 de novembro. Nessa fase, o ministério quer vacinar 9,4 milhões de adultos entre 20 e 29 anos. Para viabilizar a ação, o MS garantiu a maior compra de vacinas contra o sarampo (tríplice viral) dos últimos 10 anos.

O surto de sarampo ainda se encontra ativo no país. Atualmente, há confirmação de 11.896 casos e 15 óbitos pela doença até o começo de novembro (semana 45 do ano). A maioria dos casos, 11.095 (93,2%) estão concentrados no estado de São Paulo, principalmente na região metropolitana.

Os dados mais recentes da pasta da Saúde mostram que jovens nessa faixa etária são maioria entre os casos registrados – respondem por 30,6% do número total de casos de sarampo este ano no Brasil. E, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado pelo ministério, são também o maior transmissor em potencial da doença.

A secretaria municipal de Saúde de Francisco Beltrão informa que neste sábado estarão abertas sete unidades de saúde, nos bairros Cango, Pinheirinho, Vila Nova, São Miguel, Alvorada, Padre Ulrico e Sadia, que estarão abertas das 08h00 às 17h00, sem fechar para o almoço.

As pessoas fora da faixa etária preconizada, de 20 a 29 anos, que desejam realizar a vacina contra o Sarampo também podem comparecer nas unidades para receber a imunização. Lembrando que a idade máxima para a vacina contra o Sarampo pelo SUS é de 49 anos.

De acordo com a  Secretaria de Estado da Saúde, já são 429 os casos confirmados de sarampo em 29 municípios paranaenses, após 20 anos sem registro da doença. Nos últimos dias 61 pacientes foram constatados com a doença.  O levantamento aponta que 227, dos 429 casos confirmados, são de pessoas na faixa etária entre 20 e 29 anos. Curitiba é o município que apresenta maior quantidade de casos confirmados, com 278.

Agência Brasil e PMFB