Tráfico
Foto Divulgação PCPR

A Polícia Civil de Medianeira, com apoio do Núcleo de Operações com Cães de Pato Branco., 5ª SDP de Pato Branco policiais militares de Marmeleiro, policiais civis, da DIC/Fron, Polícia Militar, do Saer/Fron de SC e PRF de Pato Branco, SC e RS, apreenderam cerca de 600 kg de maconha na tarde de sábado (12) e prenderam duas pessoas que integravam uma organização criminosa especializada na distribuição de drogas para todo o país.

Conforme a polícia, por volta das 12 horas o setor de investigação da Delegacia de Medianeira recebeu a informação de que uma camionete Fiat/Toro cor branca havia carregado uma grande quantidade de drogas na cidade de Santa Helena, e estaria se deslocando para o sul do país, cruzando pelas estradas do sudoeste do Paraná.

A polícia de Medianeira solicitou então apoio da 5ª SDP e do NOC Pato Branco para tentar interceptar a referida carga.

Investigadores do NOC Pato Branco e 5ª SDP iniciaram as diligencias com o apoio da PRF para tentar identificar o carro envolvido e a possibilidade mais veículos prestarem apoio à ação criminosa.

Na sequência os policias de Pato Branco (NOC e 5ª SDP) e PRFs identificaram as placas dos veículos envolvidos, sendo uma Fiat/Toro branca – responsável pelo transporte da carga – e um Ágile prata – responsável pelo serviço de “batedor” ambos com placas do Paraná.

Por volta das 17 horas os policiais de Pato Branco avistaram o veículo Ágile e a Toro, porém não conseguiram, neste momento abordar os veículos que transitavam por estradas vicinais (de terra) entre os municípios de Marmeleiro e Campo Ere (SC).

Equipes da PMSC e PCSC, por meio do Serviço Aeropolicial de Fronteira (Helicoptero) – SAERFron – e da DICFron, foram acionadas para prestar apoio na ocorrência, já no estado catarinense.

Por volta das 21h30, uma equipe da PRF interceptou os veículos na balsa que faz a travessia pelo Rio Uruguai, entre as cidades de Mondai (SC) e Vicente Dutra do (RS), já iniciando os procedimentos de desembarque no estado Gaúcho.

Duas pessoas foram presas e os dois veículos equipados com rádios comunicadores e a droga foram apreendidos. Ainda conforme a polícia Fiat/Toro havia sido roubada e estava com placas clonadas.

O prejuízo à organização criminosa especializada no transporte de drogas para todo país e com forte especialização na utilização de estradas rurais ultrapassa meio milhão de reais.

Imagem PRF