Paraná
Foto Divulgação

Um fato inusitado foi registrado pela Polícia Militar de Apucarana na quarta-feira (14), em uma casa geminada, localizada no Residencial Sumatra I. 

Um homem informou à PM que o casal que vive na residência ao lado de sua casa estava fazendo barulhos estranhos durante o sexo e achou que os gemidos estavam exagerados. A vítima ainda disse à polícia, que ouve com frequência barulhos como socos na parede. 

O solicitante disse que possui três filhos menores de idade, um de 12 anos, outro de 8 e o caçula de 5. Ele relatou ainda que o fato causou constrangimento em sua família. A equipe foi até o local e ao chegar na residência do casal, conversou com uma adolescente, de 15 anos, que informou ser casada com um jovem, de 21 anos.

A PM solicitou a presença do maior de idade, que ao ser indagado, informou ter acontecido o ato sexual, mas não achou que estava perturbando os vizinhos. O solicitante foi orientado quanto aos procedimentos cabíveis e desejou representar. Sendo as partes encaminhadas ao Cartório PM para lavratura do termo circunstanciado

As informações são do TN Online