Geral
Foto Eloi Turvo

A frente fria que avançou pelo Paraná entre o dia 24 e 25 de agosto de 2018 trouxe muitos transtornos a população. Trouxe também alívio aos agricultores da região metropolitana de Curitiba (RMC), já que não chovia de forma significativa na região a quase dois meses.

Na RMC choveu aproximadamente 30 mm, enquanto no sudoeste e centro-sul tivemos acumulados superiores aos 50 mm. Já na maior parte do noroeste choveu pouco. As rajadas de vento atingiram intensidade forte (acima dos 50 km/h) nas diversas regiões paranaenses, mas com destaque para Cornélio Procópio (77,8 km/h) e Marechal Cândido Rondon, com 74,2 km/h.

Houve vários relatos de granizo durante o avanço deste sistema frontal pelo Estado. Em Cascavel, Dois Vizinhos e Turvo, por exemplo. Segundo a defesa civil, mais de 300 casas foram danificadas em Turvo, na região central.

O radar de Teixeira Soares detectou a forte área de instabilidade que avançou pela cidade (às 15 h e 51 min do dia 24/08/18).

Fonte Simepar