Francisco Beltrão
Reunião da secretária Mariah com diretores para tratar de atividades não presenciais na rede municipal – Foto Assessoria

As aulas na rede municipal de ensino de Francisco Beltrão estão suspensas desde o dia 23 de março como medida de prevenção ao coronavírus. Como não existe previsão de retorno a curto prazo, a Secretaria Municipal de Educação adotou uma proposta, contando com a participação das direções e coordenações das escolas, para oferecer atividades não presenciais para as crianças. A iniciativa conta com respaldo do Conselho Estadual de Educação e da Secretaria Estadual de Educação, por meio de legislação específica, aprovada recentemente para esta finalidade. 

As escolas, seguindo as orientações da secretaria, devem encaminhar atividades para os alunos da Educação Infantil e do Ensino Fundamental. Inclusive para o Ensino Fundamental existe a validação de horas com estas atividades não presenciais. Os professores podem utilizar materiais impressos, livros didáticos utilizados neste ano e em anos anteriores, além de ações e materiais online. Como a Educação Infantil (4 e 5 anos) conta com o Sistema Aprende Brasil (Editora Positivo), os familiares tem a possibilidade de utilizar a Plataforma On, disponibilizada pela editora, além dos livros.

São duas opções de encaminhamento de atividades por parte das escolas. Uma delas é com material impresso ou livros e a outra através dos aplicativos whatsApp e facebook. “Estamos orientando para que as atividades desenvolvidas pelos alunos sejam registradas no planejamento dos professores para que possamos contar a carga horária não presencial. Tudo deve ser documentado pela escola. Também é fundamental que se garanta o aprendizado dos alunos”, comenta Mariah Ivonete Silva, secretária municipal de Educação.

 Suporte na página da prefeitura

A secretaria disponibilizou no site da prefeitura (www.franciscobeltrao.pr.gov.br), na página da educação, um suporte aos familiares de alunos e aos professores. Acessando, são encontradas sugestões de atividades educativas e pedagógicas para as diversas etapas e modalidades atendidas pela rede municipal de ensino. Esse suporte foi pensado para atender de forma complementar os conteúdos escolares. Trata-se de mais uma ferramenta à disposição da comunidade. Diariamente o conteúdo vai sendo atualizado a expandido.

Toda a equipe da Secretaria Municipal de Educação trabalhou na seleção do conteúdo que compõe este espaço virtual. As atividades foram organizadas considerando a distribuição dos alunos em etapas, faixas etárias e modalidades “Passamos por uma situação atípica, diferente de todas as experiências que já vivenciamos. Precisamos nos adequar a essa nova realidade e proporcionar alternativas enquanto não tivermos o retorno das aulas presenciais”, diz a secretária Mariah.

 Assessoria