Francisco Beltrão
Foto Assessoria Amsop

Da assessoria – A Comissão de Saúde da Associação dos Municípios do Sudoeste do Paraná (Amsop), presidida pelo prefeito de Dois Vizinhos, Luís Carlos Turatto, está encaminhando um ofício aos municípios, no qual recomenda a realização de campanhas de conscientização e a edição de decretos com medidas para frear o salto em novos casos de covid.

O documento, que também é assinado pelo coordenador do Comitê de Crise em Saúde da Amsop, Elói Schlikmann, alerta para o afastamento de aproximadamente 30% dos profissionais de saúde por contaminação pelo coronavírus, alto índice de casos entre crianças e aumento expressivo do número de leitos ocupados por pacientes com covid-19.

O ofício informa, ainda, que o pico do contágio pelo coronavírus na região deve acontecer nos próximos 15 dias, e boletins das 7ª e 8ª Regionais de Saúde apresentam cerca de 10 mil casos ativos no sudoeste atualmente. Porém, de acordo com as regionais de Saúde de Francisco Beltrão e Pato Branco, esse número de casos ativos pode estar subnotificado, em razão da falta de testes disponíveis no mercado.

O ofício com as recomendações aos municípios foi elaborado após uma reunião da Comissão de Saúde da Amsop, que ocorreu na tarde da última segunda-feira, 24/01, e contou com as presenças do presidente da Comissão e prefeito de Dois Vizinhos, Luís Carlos Turatto, prefeitos Ricardo Ortiña (Santo Antônio do Sudoeste), Edson Cenci (Chopinzinho), Paulo Horn (Sulina) e Fátima Pegoraro (Manfrinópolis), coordenador do Comitê de Crise em Saúde da Amsop, Elói Schlikmann,  chefes das regionais de Saúde de Pato Branco e Francisco Beltrão, Anderson Nesello e  Nádia Zanella, respectivamente, diretora do Hospital Regional Dr. Walter Pecoits, Cíntia Ramos, técnicos da área da Saúde e os diretores da Amsop, José Kresteniuk e Claudemir Freitas.