Sudoeste
Foto Polícia Ambiental

Policiais Ambientais em fiscalizações autuaram dois agricultores na quarta-feira (09) por crimes ambientais.

A primeira ocorrência foi registrada em Salto do Lontra onde em uma propriedade rural os policiais constataram o desmatamento em uma área de nascente (mata ciliar) de 14.500 metros quadrados, além de desmate em área de floresta do Bioma Mata Atlântica de 12.000 metros quadrados. O agricultor foi multado em R$ 41 mil

A outra situação foi registrada em Marmeleiro, onde a polícia constatou a violação de embargo. Segundo a Polícia Ambiental, o agricultor plantou em área embargada em 2020, quando havia sido autuado por crime ambiental, bem como ter sido constatado novamente dano em nascente (supressão e canalização) em área de 4.500 mil quadrados.

O proprietário foi multado por violação do embargo em R$ 15 mil, além da apreensão da produção de soja plantada que foi doada a instituições sem fins lucrativos.

Por ser reincidente o agricultor foi multado em R$ 30 mil em nova infração ambiental

A soma das multas nas duas situações, ultrapassaram R$ 80 mil.