Francisco Beltrão

Em julgamento popular que durou cerca de 12 horas, os acusados de dupla tentativa de homicídio André Luiz Poletto e Claudemiris de Souza, foram absolvidos pelo Tribunal do Júri da Comarca de Francisco Beltrão.

Eles eram acusados de ter efetuados disparos de arma de fogo contra Cleverson Schimitz e Cleimar de Paula Barbosa, em crime ocorrido na noite do dia 17 de dezembro de 2012 no pátio de um posto de combustíveis na Avenida Júlio Assis Cavalheiro, centro de Francisco Beltrão, onde Cleverson teria sido atingido por disparos e Cleimar conseguiu se esconder atrás de um colchão.

O julgamento começou às 09h e terminou às 21h, o Tribunal do Júri chegou ao veredito e a Juíza que presidiu o julgamento Drª Janaína Monique Zanelatto Albino proferiu sentença de absolvição dos acusados.

No Ministério Público atuou o Promotor de Justiça Saulo Costa Fernandes de Negreiros, na defesa de André o advogado Gilberto Carlos Richthcik e de Claudemiris o advogado Diogo Alberto Zanatta e Diogo Lopes Vitorino.