Francisco Beltrão
Foto PP News

Nesta quinta-feira (9) acontece no Tribunal do Júri da Comarca de Francisco Beltrão, o julgamento de Gilson Rodrigues, 41 anos, acusado da morte de Claudecir Della Libera, crime ocorrido no dia 16 de janeiro de 2012, em frente a uma empresa na Avenida Atílio Fontana, bairro Sadia em Francisco Beltrão.

Segundo o processo judicial no dia dos fatos o acusado e a vítima se encontraram no pátio em frente uma empresa, onde o acusado e a esposa da vítima trabalhavam e discutiram, pois o acusado estaria tendo um caso extra conjugal com a esposa da vítima.

Após a discussão eles entraram em luta corporal, quando o acusado foi até o carro pegou um canivete e acabou atingindo a vítima com um golpe no pescoço e posteriormente o atingiu nas costas. Claudecir chegou a ser socorrido, porém morreu no hospital no dia 22 de janeiro de 2012.

A esposa da vítima nega qualquer envolvimento e disse em depoimento que era perseguida pelo acusado, porém em depoimento ele confirma o caso.

O julgamento será presidido pelo Juiz de Direito, Dr Eduardo Ressetti Pinheiro Marques Vianna, tendo na acusação o Promotor de Justiça Gabriel Santos Pereira Paquielli e os assistentes de acusação advogados Fernando Biava da Silva, Willian Aparecido Rodrigues da Rosa e Marco Antônio Confessor Aguinel e na defesa o advogado Gilberto Carlos Richthcik.