Real Móveis

A Primeira Divisão do Campeonato Paranaense de Futebol acontece logo no início do próximo ano possivelmente a partir do dia 14 de janeiro, e por isso a diretoria do Clube Esportivo União já se movimenta na montagem do elenco, com a expectativa de ter uma equipe consistente para se manter na elite. A experiência do técnico Ivair Censi conta muito nesta hora, principalmente pela boa relação com os atletas, sem falar no conhecimento de toda a estrutura do futebol paranaense. Uma base da equipe que conseguiu os dois acessos deve ser mantida, entre eles Welington Monteiro, Marcos Paulo, Thiaguinho e Júlio Lopes - mas o elenco deve ser muito maior, e jogadores que atuaram na primeira divisão também podem pintar, se a folha salarial permitir.  

A montagem do elenco, porém fica condicionada ao orçamento que está sendo discutido e passa pelo interesse de empresários de Francisco Beltrão e da região sudoeste em investir na equipe através de patrocínios e publicidades. Um dos desafios é saber medir exatamente qual é a expectativa do torcedor que viu o futebol sair em apenas um ano e meio da condição de "totalmente sem credibilidade" com uma crise financeira, sem time, vendo as amargas disputas na terceira divisão terminarem em W.O - para uma primeira divisão entre os gigantes Atlético Paranaense, Coritiba, Paraná e Londrina. É tudo tão recente e aconteceu tão rapidamente, que quando menos notarmos a primeira divisão estará iniciando e esses e outros clubes estarão jogando no estádio Anilado. 

O arbitral para a Primeira Divisão do Campeonato Paranaense está marcado para o próximo dia 17 de outubro em Curitiba, e durante o encontro entre os doze participantes será definido o regulamento que no próximo ano pode mudar de formato. Com a possibilidade de ter alterações a cada dois anos, o regulamento pode ser modificado ou até mesmo mantido a atual fórmula. O que se sabe até agora é que o campeonato foi antecipado em razão do calendário apertado em ano de Copa do Mundo, então uma competição longa com dois turnos pode ser descartada, sobrando o atual regulamento com cinco jogos em casa e seis jogos fora, e depois mata-mata até a final. Em 2018, o União disputa a Primeira Divisão do estadual após 37 anos de sua última participação, desta vez ao lado de Atlético, Coritiba, Paraná, Londrina, Cianorte, Foz do Iguaçu, Cascavel, Maringá, Prudentópolis, Rio Branco e Toledo. 

 



Lucas Maciel
04/10/2017



Foto: Adolfo Pegoraro