Ao contrário do que se prega de que adolescentes infratores não respondem pelos seus atos, em Francisco Beltrão vem sendo desmistificado.

Os números comprovam a hegemonia entre Polícia Civil, Polícia Militar, Ministério Público e Poder Judiciário.

Nos últimos dias foram apreendidos oito adolescentes envolvidos em crimes de homicídios e roubos.

O trabalho de responsabilização dos adolescentes pelos seus atos infracionais demanda da integração dos órgãos de segurança como Ministério Público e Poder Judiciário visando a implantação destes adolescentes infratores em Centros de Socieducação (Cense).

Dos oito adolescentes apreendidos recentemente pela Polícia Civil e pela Polícia Militar em situação de flagrante ou através de mandado judicial dois foram encaminhados para o Cense de Cascavel, um para o Cense de Pato Branco, um para o Cense de Laranjeiras do Sul e outros quatro continuam detidos no Setor de Carceragem Temporária (Secat) de Francisco Beltrão.

Os números desmitificam o fato de que adolescente infrator fica impune por seus atos. Pelo menos na comarca de Francisco Beltrão, os infratores estão sendo responsabilizados, o que gera tranquilidade para a população e serve de alerta a outros adolescentes que se transgredirem a lei serão responsabilizados.

 

           



Luiz Carlos Maciel Polícia Civil
11/08/2017



Imagem ilustrativa retirada da Internet