Um policial militar que estava lotado no 21º BPM de Francisco Beltrão e destacado em Salgado Filho foi preso na quinta-feira (06) após participar de uma tentativa de latrocínio ocorrida na rodovia PR-182 entre Francisco Beltrão e Ampére.

Segundo o que foi apurado pela polícia, as vítimas estavam em um veículo Kia/Soul, placas de Toledo quando na altura do KM-50 tiveram o carro atingido por disparos de arma de fogo e o carro acabou capotando indo parar em uma lavoura.

As vítimas foram socorridas pela Defesa Civil de Ampére e posteriormente a polícia descobriu que se tratava de um roubo.

A polícia iniciou imediatamente as investigações e localizou em Francisco Beltrão  um veículo Toyota/Corolla, ocupado por um policial militar e no carro encontrou uma mochila com o dinheiro reconhecida pela vítima.

O policial militar foi preso em flagrante e após os procedimentos foi encaminhado para um Batalhão da Polícia Militar na região metropolitana de Curitiba, onde está preso e irá responder pelo crime.

A Polícia Civil afirmou que o caso está sob sigilo de investigação, e, por isso, o nome do suspeito não foi divulgado.

O capitão da Polícia Militar Rogério Gomes Pitz em entrevista nesta sexta-feira (14) na Rádio Educadora, durante o quadro Polícia Comunitária disse que a instituição não tolera desvios de comportamento e esse policial será responsabilizado pelo seu ato, e de forma alguma compromete a idoneidade da corporação.



Luiz Carlos Maciel
14/07/2017



Veículo Kia/Soul onde estavam as vítimas - Foto Julio Cesar Alves