A partir desta segunda-feira, 12, novos grupos foram inseridos como prioritários na vacinação gratuita contra a gripe, uma das mais importantes medidas preventivas contra a influenza.  Cobradores e motoristas de ônibus de transporte público, cuidadores de pessoas vulneráveis (como idosos e acamados) e população em situação de rua também passam a ter direito a vacinação. Porém, no ato da vacinação, é preciso que estes grupos apresentem um comprovante das suas profissões.

De acordo com a secretaria municipal de Saúde de Francisco Beltrão, os cobradores e motoristas de ônibus de transporte público devem apresentar o crachá da empresa. Cuidadores de pessoas vulneráveis devem comparecer com declaração do médico do doente ou acamado. A campanha contra Influenza também segue para crianças de seis meses até cinco anos, mulheres até 45 dias após o parto, gestantes, idosos acima de 60 anos, trabalhadores de saúde, indígenas e doentes crônicos.

Dois grupos ainda faltam atingir a meta de imunização, as crianças, até o momento, só foram imunizadas 67% e gestantes atingiram 82%. A meta mínima exigida de cobertura é de 90% do público alvo. A vacina está disponível em todas as unidades de Saúde. O Centro de Saúde da Cango atende das 07h até as 19h, sem fechar ao meio dia. Desta forma, facilita o acesso para as pessoas que tem dificuldade de comparecer no horário convencional de funcionamento das unidades de saúde. 



Assessoria
12/06/2017